Como não fotografar o seu imóvel

Quando um cliente procura um imóvel, normalmente a sua procura começa online. Se as fotos dos seus imóveis não forem apelativas, o seu negócio pode ser prejudicado.

Consulte atentamente a listagem de imóveis,  será que as fotos que tirou apresentam os principais pontos de venda do imóvel ou não mostram algumas das suas melhores características? Mostram o imóvel da melhor maneira, ou existem alguns deslizes?

Fotografia fora de Estação:  A foto principal preferida é a do imóvel na altura do Inverno, porém agora estamos na Primavera… A mensagem de uma fotografia fora de época transmite aos possíveis clientes de que o imóvel está no mercado há muito tempo. Os clientes podem supor que o imóvel tem algo de errado.

Fotografias Duplicadas: Este é um erro comum. Muitas vezes as listagens incluem três fotos da cozinha, ou quatro fotos da cozinha. Os clientes não têm que ver um quarto a partir de vários ângulos. Escolha a foto que melhor destaca a divisão. A sua foto-reportagem deve ser completa, mas “provocar” os clientes para que queiram ver mais.

Divisões em Falta: Os clientes querem uma visão geral. Tente mostrar fotos de todas as divisões do imóvel da melhor maneira possível. Divisões omitidas são uma bandeira vermelha para os clientes. Porém, se for “forçado” a escolher, escolha as divisões mais importantes: cozinha, sala de estar, sala de jantar, quartos de banho e quarto principal. E inclua sempre uma foto do exterior.

Desligue o Flash: O Flash ilumina apenas alguma distância após a câmara, e deixa sombras.

151242587

Ângulo errado:  Uma boa iluminação e o ângulo adequado são as duas formas mais significativas de melhorar a sua foto-reportagem. No interior, o erro mais comum é fotografar a partir de um nível muito alto. Baixe-se um pouco para ter uma visão mais interessante. No exterior, movimente-se pela frente do imóvel e tire várias fotos de diferentes ângulos e alturas, mesmo em diferentes alturas do dia, assim a terá uma maior opção de escolha de fotografias.

Pessoas ou animais de estimação nas divisões: A mensagem que os clientes têm quando as foto-reportagens têm pessoas ou animais de estimação presentes, é de que estava com tanta pressa para fotografar o imóvel que nem teve tempo para pedir às pessoas para se afastarem. Tanto os animais como as pessoas em fotos são uma distração. Outra nota importante, seja cuidadoso para que o seu reflexo não apareça nos espelhos.

Divisões vazias: Não é recomendável mostrar um imóvel com as divisões vazias. Uma foto de uma sala vazia é triste. Normalmente, é apenas pisos, paredes e portas/janelas, que não dão indicação do tamanho da divisão ou das possibilidades da mesma. Home Staging não é uma ciência e não precisa de gastar muito dinheiro!

Sinais de vida: A maioria das fotografias das listagens mostram os objetos de higiene pessoal, pilhas de papéis, latas de lixo e carros estacionados na garagem. Prepare o imóvel para fazer a foto-reportagem. Demora um momento a guardar os brinquedos da piscina, esconder os cosméticos, e colocar a tampa da sanita para baixo!

Para terminar, a sua foto-reportagem poderá ter fotos suficientes do imóvel para aguçar o apetite dos clientes, porém ainda tem a oportunidade para colocar fotos adicionais. Ótimo! Se arranjar uma boa foto da cidade, do campo de golfe local, de um festival anual, ou algo que torna a cidade / bairro especial, vá em frente. No entanto, permaneça dentro de limites, porque muitas fotografias genéricas podem fazer com que pareça que a o imóvel em si tem pouco a oferecer.

Last modified on Fevereiro 10th, 2015 at 5:38 pm